Newcastle 1 – 1 Benfica (Salvio)

Não havia necessidade!!

uefa-europa-league-logo

Ao intervalo já poderíamos por duas ou três vezes ter aberto o activo, sem que os ingleses tivessem feito alguma coisa.

Depois dois factores conjugaram-se para o que aconteceu na segunda parte:

1 – Os cartões amarelos ao Artur e ao Enzo, que eu ainda não percebi porquê.

Dizem os comentadores da SIC, mas esses valem pouco (até porque na segunda parte foram incapazes de ver uma mão na bola, marcada pelo árbitro, contra o Newcastle e assumiram isso como um erro do árbitro), que um foi por palavras e o outro por pedir cartão amarelo para o adversário.

Mas se foi por palavras o cartão amarelo é ridículo pois, quer o Cissé, quer o Ameobi (nem deveria ter jogado, se em vez do amarelo que levou na Luz, tivesse levado o respectivo vermelho, pela agressão ao Gaitan), quer o Cabaye (este precisou de 160 minutos a dar porrada para ver um amarelo, já deveria ter ficado fora deste jogo, se visse um dos 3 ou 4 a que escapou na Luz), durante o tempo todo que estiveram em campo, não fizeram mais nada a não ser protestar com os árbitros.

2 – Uma infantilidade daqueles que tem sido os melhores jogadores do Benfica. O Garay e o Matic em vez de tirarem a bola de dentro da área, ofereceram a bola ao jogador do Newcastle. Que tenham aprendido a lição.

O amarelo ao Enzo, condicionou a forma como este preencheu o meio campo durante a segunda parte,  o que fez com que o Matic tivesse muito mais trabalho, já que o Enzo não podia arriscar tantas vezes, meter o pé à bola e o segundo lance, permitiu que o Newcastle fizesse o jogo que tanto pretendia, jogo directo e esperança na falha da defesa.

Ainda quanto ao árbitro, esteve bem nos foras de jogo e na maioria das faltas, mas em lances capitais, como os dos amarelos aos jogadores do Benfica e a falta deles aos jogadores do Newcastle, como foi o caso do cartão amarelo ao André Almeida (nada a dizer), mas não mostrou amarelos aos jogadores do Newcastle pelo mesmo motivo, e teve 2 ou 3 jogadores que jogaram a bola com a mão.

Um livre muito perigoso, penalizando uma “falta” do Lima sobre um jogador do Newcastle, num lance facílimo de ajuizar. Qualquer pessoa que estava a ver na TV, na câmara mais afastada percebeu o que se passou, mas o árbitro a meia dúzia de metros viu uma falta do Lima, num lance, onde foi o próprio Lima a levar um pontapé do jogador do Newcastle. Poderia ter sido um livre perigoso.

Na minha opinião o JJ, esteve bem ao escalar a equipa titular. Não acredito que exista algum treinador que treine os seus jogadores para falharem golos como o Benfica falhou na primeira parte e como o Gaitan falhou na segunda.

O Ola John parece-me estar a cair de forma, vê lá isso John, que ainda precisamos de ti esta época.

Salvio, estás em grande. Continua assim.

Quem também esteve muito bem, foram os nossos adeptos. Excelentes!

UEFA Europa League 2013 - Newcastle-Benfica

RESUMO DO JOGO

Venham as meias finais!

Nota final: acho que a recepção no aeroporto foi um exagero. A passagem às meias finais foi justa e os jogadores mereceram, mas não é motivo para recepção no aeroporto. Se queriam mostrar a vossa satisfação, encham o estádio na próxima segunda feira, na segunda mão da Meia Final da Taça de Portugal.

P.S.: Ah grande Quitino!

P.S.

Anúncios

Etiquetas:, ,

Opina para aí...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: